terça-feira, agosto 22, 2006

Don't... [Parte 4]

- Estavamos em Julho, num sábado. Lembro-me perfeitamente... Entrei em pânico ao saber que o Rafael ia para o Algarve. Não dormi nada naquela noite, sabes? Dei umas voltas de carro, para desanuviar, mas não serviu de nada. Parecia perdido.... Quando me apercebi, estava estacionado na mesma falésia onde ele abriu o jogo comigo e disse que me amava pela primeira vez. Comecei a chorar como uma criança a quem foi retirado o seu brinquedo favorito. Fiquei lá até o sol nascer. Encontrei-me com ele em sua casa, e aquilo foi... sei lá!... esquesito! Mal conversámos, entendes? Depois andei feito louco a preparar a tralha toda para ir com ele para o Algarve. Quer dizer, era para ser surpresa: ele a sair do autocarro e dar de caras comigo... e olha, saíu-me o tiro pela colatra. O cansaço venceu-me e... puff!... o carro despistou-se. Agora estou eu aqui com um braço partido e alguns arranhões, sem poder conduzir, sem poder trabalhar, sem poder ir ter com ele e... e...
- E o quê, Nelson? – perguntou Ricardo com um tom sereno.
- E ele pode... – Nelson deixa correr uma lágrima – e ele pode ter voltado a cair na lábia do outro, do Bruno...
- Tem calma, rapaz. – Ricardo fez uma pausa – O Bruno é o tal rapaz que, ao saber que o Rafael gostava dele, usou-o durante muito tempo... certo?
- Sim, é...
- Eu não queria que ele fosse... Tenho medo, Ricardo.
Abraçaram-se.


* * *

Ricardo era o melhor amigo de Nelson. Conheciam-se há 5 anos e tornaram-se inseparáveis desde o momento em que se conheceram. Como Nelson costumava dizer, Ricardo era a sua alma gémea; não precisavam de falar para perceberem o que o outro estava a sentir, bastava um olhar. Nelson e Ricardo eram os irmãos que ambos nunca tiveram.



Hugz & Kisses,
Nobody's Bitcho

1 comentários:

Gonçalo disse...

Adoro esta história :D

Mais, mais, mais :P

E quero o livro quando sair lol

Abraço!